29 de ago de 2009

CEDECA Interlagos - Nota Pública

O Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Interlagos (CEDECA Interlagos) é uma organização não-governamental que atua na região extremo sul da cidade de São Paulo.

Vimos, por meio desta, manifestar-nos publicamente acerca das reportagens veiculadas em órgão de imprensa nos dias 26 e 27 de agosto. As reportagens acusam este Centro de Defesa de utilizar de recursos públicos para defender o jovem apelidado por Champinha.

Tal acusação é improcedente. Apresentamos mensalmente de modo bastante transparente e assertivo a destinação dos recursos conveniados aos órgãos competentes, utilizados apenas para as atividades finalísticas planejadas nos projetos de convênio com as instituições governamentais. Ressaltamos que nenhuma atividade de defesa processual é financiada por recursos públicos governamentais.

Especificamente sobre o teor das matérias veiculadas pela emissora, durante os mais de três anos em que o jovem esteve internado na FEBEM/Fundação CASA, sua defesa foi realizada pela Defensoria Pública do Estado de São Paulo. Quando do surgimento do processo de internação hospitalar – pelo qual responde atualmente – a Defensoria Pública entrou em contato com o CEDECA Interlagos solicitando que assumíssemos a defesa, o que foi prontamente atendido. A defesa do jovem referido nas reportagens foi iniciada, pelo CEDECA Interlagos, quando ele ainda possuía menos de 21 anos de idade, especialmente em razão de sua trajetória no sistema sócio-educativo.

Diante disso, o CEDECA Interlagos nega, com veemência, quaisquer alegações contrárias as informações acima fornecidas. Há dez anos reconhecidamente lutamos pela garantia de direitos humanos para todos e compreendemos que também é nosso papel garantir o acesso a justiça de todos os seres humanos, especialmente crianças e adolescentes.

À disposição para outros esclarecimentos.

CEDECA Interlagos